<$BlogRSDURL$> on-line

segunda-feira, maio 31, 2004

E eu lá ando...
Há procura de respostas... a questões respondidas hà muito tempo. Porque será isto?
Conselhos Amorosos...
Qual não é o meu espanto que a empregado do restaurante onde eu costumo comer, veio-me pedir conselhos amorosos, porque estava com graves problemas com o namorado. E tudo devido a álcool. Diz que eu sou "padre" e que precisava de ajuda... Mas é sempre difícil ajudar alguém com problemas, quando não acreditam em Deus... e Ele é o único que nos pode ajudar. Mas lá consegui dizer umas palavrinhas...

sexta-feira, maio 14, 2004

Ao Predatado...
Um muito obrigado pelas suas palavras que servem de grande estímulo para a continuação deste blog, apesar de não conseguir que seja muito regular. Muito obrigado e um grande abraço.
Devocional... CORRENDO PELOS OUTROS
Achei muito importante este devocional, que retirei do livro de devocionais "Pão Diário".

Leitura:Filipenses 2:3
"Nada façais por contenda ou por vanglória, mas… cada um considere os outros superiores a si mesmo."

Tom Knapp nunca ganhou uma corrida durante toda a sua carreira estudantil. Tom era "aquele que incentivava". Era a sua tarefa determinar o ritmo a dar aos colegas de equipa, que então o venceriam à meta. Quando fazia uma corrida com êxito, ele estava a permitir que um colega da sua equipe ganhasse. Apesar de Tom nunca ter uma reserva de energia suficiente para fazer o sprint final para a vitória, o treinador considerava-o um membro valioso da equipa.
De um modo semelhante, o Novo Testamento diz-nos que corramos a nossa corrida da fé com o sucesso dos outros em mente. "Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. Não atente cada um para o que é propriamente seu mas cada qual também para o que é dos outros." (Filipenses 2:3-4). O nosso exemplo para viver assim é Jesus Cristo que deixou a glória do céu para partilhar a nossa humanidade e morrer na cruz de forma a que pudéssemos ter vida eterna (v.5-8).
Se o encorajamento pelo nosso exemplo ajuda outra pessoa a florescer e a ter êxito, deveríamos alegrar-nos. Quando os prémios eternos forem outorgados por um serviço fiel a Deus, uma quantidade de "incentivadores" terão coroas de louro. Até que venha esse dia, continuemos a correr de forma a que os outros possam ganhar. - David McCasland

NÃO PODES PERDER QUANDO AJUDAS OUTROS A GANHAR.

sexta-feira, maio 07, 2004

Família...
Este é o mês que tradicionalmente as Igrejas Evangélicas Baptistas falam sobre a família... quem sou eu para falar sobre esse tema? Reconheço que Deus tem trabalhado na minha vida e peço-lhe perdão muitas vezes não ter dado o melhor de mim em prol da minha querida família... assim como na minha família espiritual (perdoem-me).
Porque será?
Muitas das vezes questiono-me no porquê de estar na situação em que estou... Separado da namorada, da família, separado de amigos que marcam uma vida, por exemplo o fora da lei e de viver sozinho (não desejo isto a ninguém).

A verdade é que senti que Deus me queria aqui no norte, mesmo sabendo que a partir de Setembro posso ficar no desemprego... Não foi para ganhar dinheiro, não foi para me ver livre das pessoas que eu amo... Então porque será?

Talvez para crescer mais (como tem acontecido), talvez para saber que Deus é o dono das nossas vidas e que Ele faz tudo no Seu tempo (também tenho visto isso e por vezes dói)... talvez porque Ele tem o melhor para mim (acredito piamente nisso)...

E o versículo que me vem à memória é "Confia no Senhor de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento". Tenho eu confiado? Tem me custado certas indefinições... mas quero acreditar que o meu Deus tem o melhor para mim. Tem valido a pena!

segunda-feira, abril 05, 2004

Acabou...
Este blog e para muita tristeza minha e alegria de alguns acabou de vez. Por duas razões... 1º Devido à minha indisponibilidade durante algum tempo; 2º Mais dia menos dia ficarei sem internet.

Muito obrigado a todos que passaram os seus olhos por estas linhas e pensem sempre nestas palavras que a Bíblia diz.

Um grande abraço
Jónatas Lopes... Joninhas.

quinta-feira, abril 01, 2004

Devocional...
Este letra tem andado na minha mente ao longo da semana...


Olho em tudo e sempre vejo a Ti
Estás no céu, na Terra e onde for,
Em tudo o que me acontece eu sinto o Seu amor,
Não posso mais deixar de crer, em Ti Senhor,
É impossível eu não crer em ti,
É impossível não te encontrar,
É impossível não fazer de ti, meu ideal.

terça-feira, março 30, 2004

As minhas desculpas...
Por alguma indisponibilidade da minha parte, este profeta precisou de tirar estes dois dias de férias... em princípio amanhã ou quinta feita estaremos de volta. Obrigado.

sexta-feira, março 26, 2004

Devocional...
A vida da irmã L. da igreja da Maia, tem sido muito complicada. Na sua vida tem tido muitos problemas e que a pertuba muito. Uns problemas são grandes demais é verdade, mas outros parece que gosta de os viver, talvez uma veia masoquista.
Às vezes somos assim gostamos de viver as coisas que nos perturbam, gostamos mesmo de saborear toda e qualquer porcaria. Porque somos assim? Não sei... O que posso ver na Bíblia é que devemos entregar os nossos caminhos a Deus, confiar n'Ele, porque Ele tudo fará (Salmo 37:5).
E aquela irmã compreendeu isso mesmo e neste momento está a deixar o seu futuro nas mãos de Deus e confiar n'Ele acima de todas as coisas.

Qual a razão de muitas vezes querermos viver os problemas, em vez de deixar tudo nos cuidados de Deus?
Espelho meu há alguém mais bonito que eu?
Numa das muitas conversas com a minha futura esposa, estava a contar uma das minhas experiências no McDonald's. Dizia eu que tinha sido muito bem atendido, por uma empregada muito bonita e que sorria muito para mim... e quando eu estava a comer ela ainda continuava a olhar. Qual não é o meu espanto quando a Filipa me diz "Devias estar despenteado ou alguma coisa do género". E assim é a minha vida.

quinta-feira, março 25, 2004

Tenho uma lágrima no canto do olho...
Benfica meu Benfica... Tiveste tão bem, só não tiveste a sorte de ter um árbitro do género que teve no Porto-Manchester, em que anula um golo limpo.
Benfica tanto berrei e festejei, para depois ficar a chorar...
E falo com a minha miúda a dizer que os italinos são uns tótós, ao que ela me diz:"São bem giros...". Ai vida...
Devocional...
Há uma senhora que me toca muito na Igreja das Antas, onde eu trabalho também, é a irmã M. É uma senhora muito querida e afável, o pessoal gosta muito de estar com ela e conhecer toda a sua história... há quem diga que cada ruga nossa significa uma história vivida.
Um destes dias fui levá-la a casa e ela contou muitas histórias, contou sobre a sua família incluindo o seu falecido marido, que foi sempre o exemplo para ela.
Coloquei-lhe uma questão: "É feliz na sua família?", ao qual ela respondeu para o meu espanto: "Não sou... Ninguém respeita a minha pessoa, nem a minha fé. Apenas me basta o amor de Deus e da Igreja das Antas, o que me faz viver muito feliz. Mas acima de tudo o amor de Deus".
Fiquei muito emocionado e partilhei com a minha namorada, o quanto me custou ouvir dizer aquilo... mas acima de tudo fiquei feliz porque a irmã M. sentiu que o amor de Deus é mais importante de tudo.

Quando estamos mal na nossa vida, ou nos sentimos sózinhos e angustiados, não nos vamos esquecer que há alguém que cuida e olha por nós e acima de tudo que nos ama muito... Deus.

quarta-feira, março 24, 2004

Para quem anda muito stressado...
Ouvindo o conselho da papoila, experimente este jogo. Primeiro carregue no pinguim e quando ele tiver perto do "abominável homem das neves" carregue novamente. O meu record é 320 metros.
A ler...
O artigo de Davi, no local do costume.
Uma palavra...
Quero agradeçer o link ao Predatado e dizer-lhe que apesar das suas palavras, senti-me muito orgulhoso. E aproveito para dizer, não quero converter ninguém até porque respeito todas as ideias, mas sim quero transmitir aquilo que faz a diferença na minha vida. Um abraço.

Devocional...
O R. da minha igreja da Maia, está a ter alguns problemas na escola, por causa de situações de roubo. Ao que parece, alguém roubou uma carteira e colocou na mochila dele. Este quando pressionado pelos colegas e por professores, confessou ter sido ele o autor do roubo. Foi e está a ser uma situação muito complicada, onde a mãe teve de ir à escola, para assinar uns papéis dando-se culpada e responsável pelos actos do filho.
Mas esta situação serviu para que o R. chegasse mais junto a Deus e dependesse d'Ele, convém dizer que ele andava muito afastado de Deus. Ao ouvir as suas palavras, comovi-me... dizia ele "Ainda bem que esta situação foi agora, se fosse mais tarde era bem pior. Acima de tudo foi bom, porque fez com que me aproxima-se mais de Deus".
No Domingo enquanto louvávamos a Deus, reparei no R. a chorar e a verter muitas lágrimas... para quem o conhece nunca pensaria tal coisa...

O que precisamos nós para nos aproximarmos de Deus? O que é preciso acontecer para ver que Deus nos ama? O que falta para eu viver com Deus?

terça-feira, março 23, 2004

Para quem quer andar fora da Lei...
Tem aqui uma oportunidade. Bem vindo a este teu mundo, amigo Sami.
Devocional...ENFRENTANDO OS MEUS MEDOS
Este era o devocional que se encontrava no livro "Pão Diário", o qual me tocou e por isso passarei a transcrever.

Leia:
Salmo 138
No dia em que eu clamei, me escutaste; alentaste-me, fortalecendo a minha alma. - Salmo 138:3

Após Bill e eu termos casado, tornei-me excessivamente dependente dele, em vez de depender em Deus para a minha força e segurança. Sentindo-me muito desajustada e assustada, preocupava-me em segredo: "O que é que acontecerá se um dia não tiver mais o Bill?"
Quando o nosso trabalho missionário tirou Bill de casa, às vezes durante semanas, comecei a depender em mim própria em vez de Bill. Sentindo-me cada vez mais desajustada, reduzi os riscos de vida sempre que possível e vivia dentro de um casulo de ansiedade, tendo mesmo medo de sair em público.
Finalmente, no fundo do poço, segui o exemplo de David em Salmo 138:3. Ele disse: "No dia em que eu clamei, me escutaste; alentaste-me, fortalecendo a minha alma." Eu também clamei e Deus respondeu-me. A sua resposta deu-me o entendimento e a força para abrir o casulo do medo, e começar a estender as minhas asas na dependência do Senhor. Lenta mas firmemente, Ele fez de mim uma serva corajosa ao lado de Bill.
Anos mais tarde, quando Bill morreu, reconheci como quão compassivamente Deus, tinha lidado com o meu anterior receio. "O que é que acontecerá se um dia não tiver mais o Bill?" Em vez de remover o meu medo, Deus deu-me a força e capacidade para o enfrentar. E Ele te capacitará a ti ao dependeres d'Ele. - Joanie Yoder

PARA CONQUISTAR OS TEUS MEDOS, RENDE-OS AO SENHOR.

As boas vindas...
Grande Rúben sê bem vindo ao mundo da blogosfera. Grande abraço...amigo.

segunda-feira, março 22, 2004

Devocional...
Que possamos sentir o amor de Deus ao longo da semana...

O Teu amor aos céus se estende
E a fidelidade até às nuvens vai.
Tua justiça majestosa é como os montes
Sabedoria mais funda é que o mar
Mas me dás a mão

O Teu amor me enche o coração
Encontro paz à sombra do Teu perdão
Me satisfaço na abundância da Tua casa
Do Teu rio de alegria beberei
Tu És meu Rei

sexta-feira, março 19, 2004

Devocional... Juízes 6:11-22
Será interessante ler e analisar as três questões que Gideão colocou ao Senhor Deus.
1ª Questão(V.13)-> Interessante notar a similitude com as questões que fazemos a Deus. Não somos nós teus filhos? Então porques estes problemas estão a acontecer na minha vida?
A resposta de Deus é "Eu sou contigo". Nada mais importa se o Senhor Deus é connosco.
2ª Questão(v.15) Isso não chegava a Gideão.E ele nesta questão mostra a falta de confiança em Deus, o medo em vez da fé. Quantas vezes somos assim? termos medo em vez da fé?
Resposta de Deus "Eu serei contigo". Com esta resposta será que havia motivos para termos mais problemas ou dúvidas? Por vezes sabermos que Deus está connosco (ser pessoal) não nos chega)
3ª Questão(v.17) A derradeira questão ou dúvida de muita gente. Saber que Deus está connosco não chega. Precisam de algo físico, tal como Gideão. Mas ao que Deus responde. E isso eu creio, que Deus dá provas claras a quem na verdade o deseja encontrar.
Palavras ao meu pai...
Alguém disse "A chave para o sucesso não sei, mas para o insucesso é procurar dar-se bem com todos".
Pois é, o meu pai é a única pessoa que eu conheço que consegue dar bem com todos e ninguém tem nada a dizer sobre ele. E para quem o conhece, sabe que é verdade.
O meu pai... peço a Deus para ser um homem da Palavra como ele é e que a viva. A sua maior preocupação sempre foi servir a Deus.
Palavras para quê?
Senhor Deus, muito obrigado pelo meu pai e que Tu o possas continuar a abençoar.

quinta-feira, março 18, 2004

Última palavra sobre a Papoila...
Não é este o objectivo do blog, mas não conseguirei evitar. Agradeço pelas palavras da Quezia e já percebi a questão. A minha retórica não funcionou e não é que me expliquei mal, ou escrevi o que não para ser?
"mas eu queria dizer que foi uma atitude bonita e que se todos tivessem esta minha postura, muitas coisas não se passariam da maneira terrível, que está a acontecer" Isto escrevi eu, mas como é lógico o minha está a mais, até porque dei os parabéns individualmente às duas pala postura delas e não a minha.

Dizia a Quezia que a minha postura não era a mais correcta, pelo que a papoila lhe disse. A minha postura foi dizer que não concordo com a posição dela e expliquei. E mais, não concordei com a posição dela face ao Mukankala, mas como ele disse, sabe defender-se e esse foi o meu erro.
Peço perdão pelo Minha a mais e terei mais calma sim...
Devocional... A grandeza do poder de Deus

Uma pobre senhora, com visível ar de derrota estampado no rosto, entrou num armazém, se aproximou do proprietário conhecido pelo seu jeito grosseiro, e lhe pediu fiado alguns mantimentos. Ela explicou que o seu marido estava muito doente e não podia trabalhar e que tinha sete filhos para alimentar.
O dono do armazém zombou dela e pediu que se retirasse do seu estabelecimento. Pensando na necessidade da sua família ela implorou: "Por favor senhor, eu lhe darei o dinheiro assim que eu tiver...". Ele lhe respondeu que ela não tinha crédito e nem conta na sua loja. Em pé no balcão ao lado, um freguês que assistia a conversa entre os dois se aproximou do dono do armazém e lhe disse que ele deveria dar o que aquela mulher necessitava para a sua família, por sua conta.
Então, o comerciante falou meio relutante para a pobre mulher: "Você tem uma lista de mantimentos?" "Sim", respondeu ela. "Muito bem, coloque a sua lista na balança e o quanto ela pesar, eu lhe darei em mantimentos"!
A pobre mulher hesitou por uns instantes e com a cabeça curvada, retirou da bolsa um pedaço de papel, escreveu alguma coisa e o depositou suavemente na balança. Os três ficaram admirados quando o prato da balança com o papel desceu e permaneceu embaixo. Completamente pasmado com o marcador da balança, o comerciante virou-se lentamente para o seu freguês e comentou contrariado: "Eu não posso acreditar!".
O freguês sorriu e o homem começou a colocar os mantimentos no outro prato da balança. Como a escala da balança não equilibrava, ele continuou colocando mais e mais mantimentos até não caber mais nada. O comerciante ficou parado ali por uns instantes olhando para a balança, tentando entender o que havia acontecido. Finalmente, ele pegou o pedaço de papel da balança e ficou espantado, pois não era uma lista de compras e sim uma oração que
dizia: "Meu Senhor, o Senhor conhece as minhas necessidades e eu estou deixando isto em Suas mãos." O homem deu as mercadorias para a pobre mulher no mais completo silêncio, que agradeceu e deixou o armazém. O freguês pagou a conta e disse:
"Valeu cada centavo." Só Deus sabe o quanto pesa uma oração.

quarta-feira, março 17, 2004

Ó mãe já vi o filme do Mel Gibson...
Sim é verdade, já vi também o filme "A Paixão de Cristo". O que tenho a dizer? Bem... eu fui ver o filme como um teólogo crítico e iconoclasta.
A verdade é que me deixou a pensar em algumas coisas, mormente no papel que eu representaria naquele filme.
- Judeus- Será que eu estava representado neste papel? Será que eu não quero nada com a pessoa de Jesus, desejando que Ele seja crucificado?
- Pilatos-> Às vezes existem muitos Pilatos por aí, se calhar na minha vida também já o fui... Pilatos representa aquelas pessoas que são indiferentes com a pessoa de Jesus, tanto faz como se lhe fez, como se costuma dizer. Até podem acreditar em Jesus, mas não querem compromissos, pois sabem que isso traz consequências.
- Pedro-> São aquelas pessoas que até querem seguir a Deus, mas tem que ser às escondidas, à maneira delas. Pedro quando foi confrontado negou o conhecer a Jesus. Por vezes damos connosco a negar a Jesus, ou com palavras ou com atitudes.
- Díscipulos de Jesus-> São aqueles que desejam seguir a todo o custo, sabendo que tem implicações na vida diária, mas querem "carregar a cruz de Cristo".

Qual seria o nosso papel neste filme? Eu pensei e cheguei à conclusão que em certas alturas da minha vida, podia representar qualquer um. Mas Deus deseja díscipulos seguidores, que substituam o medo pela fé.

terça-feira, março 16, 2004

Uma explicação...
Parece que a minha retórica não está a ser entendida por algumas pessoas, ou então a hermenêutica deles deixa um pouco a desejar.
Mas mesmo assim irei tentar explicar novamente...

A Papoila e a Quezia tiveram uma atitude muito interessante. Andava um ambiente um bocado tenebroso entre esses blogues, assim como o do Mukankala, e para tentar resolver os conflitos decidem-se encontrar e parece que a paz se instalou.
Eu deixei o meu comentário nos dois bloques, dizendo que foi uma atitude deveras interessante e que devia ser imitado por muitas pessoas.
Se o mundo que hoje vive em terrorismo, tivesse estas humildes atitudes (conversação em vez de guerra), talvez as coisas não estivessem como estão. Obviamente que estou a caricaturizar a situação, só não percebi os dois alertas tanto da Quezia, como do Piano dizendo: "Joninhas tem calma contigo", como se estivesse a dizer um grande absurdo. É apenas um comentário a uma atitude, que achei interessante.
Sinceramente não percebi, calma porquê? Disse alguma coisa de mal? Alguém me ajuda?

segunda-feira, março 15, 2004

Devocional...
Uma letra de um hino, para pensarmos esta semana...

Eu perdido pecador, Longe do meu Jesus,
Já me achava sem vigor a perecer sem luz;
Meu estado Cristo viu, dando-me Sua mão,
E salvar-me conseguiu da perdição.

Cristo me amou e me livrou;
O Seu imenso amor me transformou,
Foi Seu poder, o Seu querer.
Sim, Cristo o Salvador me transformou.

Minha vida todo o ser, quero-Lhe consagrar,
A Seu lado vou viver, o Seu amor cantar;
A mensagem transmitir aos que perdidos são.
Venham todos já fruir da salvação.
~
James Rowe

sábado, março 13, 2004

Este é o meu Deus...
"Deus, que não precisa de nada, deu vida a criaturas completamente supérfluas para poder amá-las e aperfeiçoá-las" C. S. Lewis
Que tipo de caminho andamos?
C. S. Lewis diz: "O caminho mais seguro para o inferno é gradual: um declive suave, piso macio, sem curvas acentuadas, sem sinalização, sem advertências. É por esse caminho escorregadio que você vai descendo conforme sua vida passa".

Quando será...
C. S. Lewis observou: "Quanto mais deixamos que Deus assuma o controle sobre nós, mais autênticos nos tornamos - pois foi Ele quem nos fez. Ele inventou todas as diferentes pessoas que eu e você tencionávamos ser (...) É quando me viro para Cristo e me rendo à sua personalidade que pela primeira vez começo a ter minha própria e real personalidade".

sexta-feira, março 12, 2004

Por que o mundo odeia os cristãos...
Passo a transcrever o que diz a revista da E.B.D. da minha Igreja:

-Os perdidos não compreendem as coisas espirituais (I Cor. 2:14)
-Tomar-se num cristão implica voltar as costas ao orgulho e humilhar-se diante de Deus (Mat. 16:24-26 e Luc. 18:9-14)
-Os cristãos podem parecer orgulhos ao dizerem "Deus aceita-me. Tenho a certeza que irei para o céu". Devemos ter o cuidado de comunicar a razão pela qual temos esta certeza-> Jesus morreu no nosso lugar
- Alguns cristãos dão um mau exemplo de Jesus perante o mundo. Os cristãos precisam de ter cuidado com as palavras de Jesus em Mat. 5:14-16
-Um valor primário na sociedade de hoje é a tolerância - definida como sendo a aceitação de todos os pontos de vista, mesmo os que se opõem, como igualmente válidos. Jesus ensinou (e os cristãos acreditam) que existe um céu e um inferno, o bem e o mal, o certo e o errado, e que a verdade é objectiva. Os cristãos devem respeitar todas as pessoas, mesmo aquelas das quais discordam, mas não devem aceitar todas as crenças como igualmente viáveis.

Uma responsabilidade e também um desafio. Em que lado estamos?
Devocional... Efésios 2:8-9
Porque pela graça sois salvos; mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não das obras, para que ninguém se glorie

Pela graça nós somos salvos, mediante a fé que podemos ter na pessoa de Jesus. Ele é a ponte para a barreira que existe entre o pecador e Deus. Não há outra maneira e as vezes tenta-se arranjar mil e um caminhos. Mas a Bíblia é muito clara neste aspecto.

Será que estamos prontos a aceitar Jesus como nosso Salvador e Senhor? Será que quero ultrapassar essa ponte?
Se sim ora a Deus e diz-lhe que queres aceitar Jesus na tua vida.

Se tiveres mais alguma dúvida é favor de contactares para o meu email.

quinta-feira, março 11, 2004

Devocional... João 14:6
Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho e a verdade, e a vida: ninguém vem ao Pai senão por mim

Vimos ontem que estamos separados de Deus, por causa do nosso pecado. A Bíblia diz que a única maneira de passarmor e destruirmos essa barreira é através da pessoa de Jesus. E como isso é possível? Basta O aceitarmos como nosso Salvador e Senhor, iremos ver mais sobre isso amanhã.
Até Maria, mãe de Jesus, teve a necessidade de aceitar Jesus como Seu Salvador, basta ver isso no seu canto (Lucas 1:46-47).
A única maneira e exclusivamente de chegarmos ao Pai é então a pessoa de Jesus, pois I Timóteo 2:5 diz que Jesus é o único mediador entre Deus e os homens.

Que tipo de mediadores temos arranjado para chegarmos a Deus? Que faço eu, sabendo que Jesus é a ponte para chegar a Ele?

quarta-feira, março 10, 2004

Memórias do Seminário...
Estava a tentar-me recordar da minha primeira visita ao seminário, mesmo antes de ser lá aluno. Não é que a primeira pessoa que me vem à mente é o Vincent... Ele já não se deve lembrar de um jovem rapaz, a fazer companhia à sua mãe (aluna daquela instituição)... Mas marcou-me a sua simpatia e a sua generosidade em mostrar-me as instalações e também de algumas dificuldades que sentiu. Marcou-me.
Obrigado Vincent.
Parabéns...
Mereceram Mukankala e Bruno. Gostei que o Porto tivesse ganho... só não suporto a arrogância do vosso grande treinador.
Que na Sexta eu possa ver alguém a dar-me os parabéns!
Devocional... Romanos 3:23
Porque todos pecaram e separados de Deus estão
Várias vezes neste blog abordamos o tema do pecado! E este versículo diz-nos que todos pecados e por causa disso estamos separados de Deus, não do Seu amor, mas da Sua comunhão. O pecado cria barreiras à nossa ligação com Deus.

Que queremos nós fazer? Será que queremos continuar separados de Deus? Ou por outro lado, queremos viver com Deus ?

terça-feira, março 09, 2004

Devocional... João 3:16
Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o Seu filho único, para que todo aquele que n'Ele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna.

Deus deseja que cada um de nós tenha Vida, vida essa que é eterna. Isto é, quando morrermos que possamos estar junto a Deus e não separados eternamente d'Ele.
Morte... tanta gente que tem medo dela, tanta gente que a provoca a alguém. Mas eu sei que quando morrer será bem melhor para mim, pois vou estar junto ao meu Deus que enviou o Seu único filho, para que todo aquele que crê n'Ele, possa estar junto a Deus.

segunda-feira, março 08, 2004

Dia Internacional da Mulher...
Aqui deixo uma homenagem à mulher que marcou a minha vida... Sinto tanto a tua falta... És a Mulher que eu sempre sonhei e que Deus me deu.
Obrigado Amor por tudo o que tu és...
Assim não dá...
Vem este presente post, manifestar o meu total desagrado e a minha revolta, com o blog da papoila. Só por não concordar com ela na questão do aborto, as minhas opiniões são cortadas? É essa a liberdade que ela tanto fala? Já o Joca se queixava. Fica esta minha revolta, com o tão falado sistema...
De novo em acção...
Ao fim de uma semana de muito trabalho, este blog continuará a ter os seus devocionais diários. As minhas desculpas às pessoas que vinham a ler estes devocionais.
Devocional...
Que este seja o nosso desejo ao longo desta semana...

Mais perto quero estar, meu Deus de Ti,
Inda que seja a dor, que me una a Ti,
Sempre hei-de suplicar, mais perto quero estar,
Mais perto quero estar, meu Deus de Ti

Andando triste aqui, na solidão,
Paz e descanso s mim, Teus braços dão,
Sempre hei-de suplicar, mais perto quero estar
Mais perto quero estar, meu Deus de Ti

E quando a morte enfim, me vier chamar
Com serafins nos céus, irei morar,
Sempre hei-de suplicar, mais perto quero esta
Perto de Ti, meu Rei, perto de Ti, meu Rei, meu Deus de Ti.

Sarah Flower Adams

sexta-feira, março 05, 2004

Palavra de apreço...
Serve este post apenas e exclusivamente para mandar um abraço ao Mukankala e elogiar a sua postura. Obrigado Deus porque a minha mãe não foi dessas cantigas e também pela minha futura sogra que trouxe ao mundo uma mulher extraordinária.

quinta-feira, março 04, 2004

Suspenso...
Este blog encontra-se suspenso... Na Segunda Feira começaremos novamento.
Desculpem os leitores diários deste blog, mas os motivos profissionais são muitos. Muito obrigado e as minhas desculpas.

segunda-feira, março 01, 2004

Devocional...
Uma letra de uma música para meditarmos ao longo desta semana...

Tu não habitas em tendas
Nem em templos feitos por mãos
Eterno, perfeito, princípio e fim,
Acima das religiões.
Não há nada no céu, na terra ou no mar,
Semelhante a ti Senhor.
Tua imagem está revelada em nós
Expressão do teu amor.
Imcomparável, Senhor tu és!
Tua voz ressoa como um trovão
E as nuvens são pó dos teus pés.
Imcomparável, Senhor tu és!
Minha alma está pegada a ti,
Senhor imcomparável és!

sexta-feira, fevereiro 27, 2004

Este tema outra vez...
Sim é verdade... é sobre o filme de Mel Gibson... Mais uma vez.
É dos comentários mais interessantes que já li. Encontram neste blog do Qoheleth
Cada fé no seu galho...
Olhando para um blog de leitura diária, fico com uma certa inveja de não ser um baptista americano. A minha fé, nem a minha religião me permitem ter um playStation 2. Neste país as cenas são diferentes, olhem ...
A minha fé apenas permite ter a segurança que quando morrer vou estar com Deus e por isso não tenho medo da morte. A minha fé apenas faz com que eu sinta Deus na minha vida e tenha a paz vinda dele.
PlayStation 2 não está destinada aos baptistas portugueses...
Devocional... As obras da fé
Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma. Tiago 2:17

Faz pensar... que resultados tem a minha fé? Produz algo? Ou simplesmente é morta ou vã?
Quando fazemos as obras (resultado da nossa fé) é dar um "pouco de céu" a alguém. Experimentei isso mesmo hoje , algo que já não fazia há algum tempo, algo que me vai marcar para o resto da minha vida.
Quando temos tudo e pensamos que não temos nada, aí somos uns individualistas e egoístas.
Acabei de ir a casa de uma família brasileira, sem nada quase para comer, com uma casa que mete pena... com um miúdo de cinco anos para criar e Deus deu-me a oportunidade de fazer algo por eles.
Tocou-me muito, verti muitas lágrimas, mas o que mais me impressionou foi como eles viam Deus actuar nas Suas vidas. Como é bom!
Como Deus é bom!
O que temos nós feito para ajudar os outros?

E este é o desafio para hoje... Mostrar a nossa fé pelas nossas obras.

quinta-feira, fevereiro 26, 2004

A mostarda tem novo visual...
Podem encontrar no sítio do costume...

Devocional... Mateus 4:4 e Filipenses 4:6
Deus quer que nós conheçamos mais e mais sobre Ele. Ele criou-nos para termos comunhão com Ele, vivermos com intimidade.
Face a isso, devemos ter um tempo para falarmos com Ele (agradecermos pelas bênçãos que Ele nos dá e levarmos a Deus as nossas preocupações e pedidos) em oração e escutar o que Ele diz através da Bíblia, que é a Sua palavra, mas para isso é preciso lermos.
A Bíblia e a oração são a comida espiritual para as pessoas que O querem conhecer melhor. Se isso acontecer, vamos crescer muito mais a nível espiritual. Desejamos este crescimento?

quarta-feira, fevereiro 25, 2004

Adenda ao Aborto...
Uma opinião a ter em conta...
Consultem
Vale a pena...
Vale a pena recordar algumas palavras de Jesus, dia após dia. Aqui...
Devocional... Génesis 1:27; 2:18-25; 12:1-3
Origem e Propósito da Família

· Origem da Família à Em Deus (Gén. 1:27). Sendo assim, Deus é o criador.
· Que implicações isso tem à Valorizar, Defender, Fortalecer
· Família está relacionada com Deus e também com a Sociedade.
· Se a Sociedade vai mal, é porque a família vai mal.
· Se a família vai mal é falta de relacionamento com Deus, pois Ele é o criador da família.
· Sendo assim, a família deve ser Teocêntrica.
· A família deve ser uma bênção para a sociedade.
· Valorização da família ... que parte cabe a mim ?


segunda-feira, fevereiro 23, 2004

Devocional ...
Gostaria que reflectíssemos neste hino que gostamos cantar nas nossas congregações. A letra é do conhecido e mui querido Martinho Lutero.

Castelo forte é nosso Deus, espada e bom escudo,
Com seu poder defende os seus, em todo transe agudo.
Com fúria pertinaz, persegue Satanás,
Com artimanhas tais e astúcias tão crués,
Que iguais não há na terra.

A nossa força nada faz, estamos, sim, perdidos;
Mas nosso Deus socorro traz, e somos protegidos.
Defende-nos Jesus, o que venceu na cruz,
Senhor dos altos céus e sendo o próprio Deus,
Triunfará na batalha.

Sim, qua a palavra ficará, sabemos com certeza,
E nada nos assustará, com Cristo por defesa.
Se temos de perder, os filhos, bens, mulher,
Embora a vida vá, por nós Jesus está,
E dar-nos-á seu reino.

Martinho Lutero

domingo, fevereiro 22, 2004

O Lado humorístico de Deus Versus a Sua Vontade ...
Para quem não saiba, eu sou um benfiquista assumido e também muito ferrenho. E hoje, fui pregar à Igreja das Antas o que tem sido habitual nestes tempos... e continuará até quando Deus quiser. Foi um choque "clubístico"...
Quando Deus diz para fazermos algo... temos de fazer, nem que seja para ir pregar à igreja das Antas, ou para alguns, ir pregar à "Catedral da Luz".
Deus por vezes surpreende-nos e prega-nos "partidas", resta-nos dar tudo o que temos e participar, o que para mim tem sido uma grande bênção, partilhar a minha fé com aqueles irmãos.
Sendo assim, o meu Deus é humorístico e sei que n'Ele eu posso confiar.

P.s- Só espero que aquela Igreja agora não mude para a Igreja do Dragão... até mesmo pelo simbolismo bíblico deste animal feroz.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?